Para você que é mãe de uma cacheada(o), confira dicas especiais para cuidar do cabelo do seu anjinho!

09:22

 Olá xuxus, 
Deixa eu adivinhar. Você tem cabelo liso, ou alisa há tanto tempo que já nem sabe mais como é o seu cabelo natural, aí a senhora Cegonha te mandou aquele presentinho especial, o amor maior da sua vida, cheio de cachinhos. No começo foi até fácil. Cabelo de bebê é molezinha, né? Mais aí foi crescendo e o cabelo também, começou a armar, a ressacar, a ficar todo bagunçado e ai, "O que eu faço agora?" Vamos solucionar seus problemas ?

Resultado de imagem para criança crespa e cacheada
Foto: Débora Marques

Primeiramente amiga, PARABÉNS... Por não ter recorrido a algum maluco que indicasse uma “química fraquinha” “só para soltar os cachos” do seu filho(a). Parabéns por ter ido ao Google para entender como lidar com o cabelo da sua pequena (o). Você ainda não sabe, mas com isso ensinará à sua cria muito além do “passe esse creme aqui”, mas sim a dar valor à sua própria identidade, a se amar acima de qualquer padrão de beleza que a sociedade possa tentar nos impor e, claro, a cuidar e valorizar sua beleza natural. 


Dica 1:

 Qual é o tipo do cacho da sua filha (o)?

Você já deve ter percebido que existem pessoas com cabelos com cachos diferentes, certo? Por isso, foi criada uma nomenclatura para cada tipo de cacho e assim você consegue entender do que aquele determinado tipo de cabelo precisa. Por exemplo: cachos tipo 4 são mais fechados e precisam de mais hidratação, cachos tipos 3 costumam a desmanchar com mais facilidade, entre outros. Isso, claro, falando de maneira bem genérica. Confira o post no blog sobre os tipos de cachos.

Dica 2:

 Não penteie o cabelo cacheado/crespo do seu filho(a) quando estiver seco

Se você acorda e penteia o cabelo, não ouse a fazer o mesmo no cabelo da sua filha(o)! O cabelo cacheado pode ser penteado (com pente) apenas depois que o cabelo for lavado, para desembaraçar. Se você penteia um cabelo cacheado seco você conseguirá tirar todos os cachos, ganhar um volume absurdo de armado, aspecto de cabelo danificado e, adivinha só, realmente danificar muitos fios.
Além disso, é bom optar por pentes largos e, de preferência, de madeira, pois esses geram menos estática (frizz). Ah, e nada de pentear debaixo do chuveiro porque faz com que os fios quebrem mais ;)

Dica 3:

 Um bom corte pode fazer milagres

Cortar o cabelo pode parecer algo trivial, mas quando se trata de cabelos cacheados e crespos não é. Isso porquê um corte mal feito pode acabar com a definição, gerar volume demais (ou de menos), enfim, não é simples. Por isso, tenha em vista:
  • Procure um profissional que entenda de cachos. Se for um especialista no assunto e ainda cortar o cabelo a seco, segura e não larga nunca mais!
  • Caso isso não seja possível, algumas dicas para conversar com o cabeleireiro do seu filho (a)
  1. Considere indicações de conhecidos com o cabelo cacheado/crespo. Se não houver nenhuma e você estiver “apostando” em um profissional, converse primeiro e leve um modelo de corte próprio para cachos.
  2. Peça para o cabeleireiro não cortar  com navalha. Obviamente, você não vai ensinar ao padre como rezar a missa, mas existem muitos cabeleireiros que ainda cortam com navalha “para dar leveza” e isso abre as camadas do fio. Experiência própria!
  3. Corte em camadas e repicados  dão leveza e valorizam o volume natural ;)

Dica 4: 

Não lave todo dia

Eu sei que esse ponto é muito difícil, ainda mais quando se trata de uma criança pequena que corre para tudo que é lado, né? Mas, se possível, não lave o cabelo do seu filho(a) todos os dias. Isso porque o cabelo cacheado tem mais dificuldade em levar a oleosidade natural do cabelo da raiz até a ponta do cabelo (já que são molinhas e não uma linha reta) e o excesso do shampoo tira ainda mais essa oleosidade natural do fio. Assim, o cabelo resseca mais rápido.
Mas qual o intervalo ideal para lavagem? Existem pessoas (geralmente tipo 4, pois possuem fios menos oleosos) que chegam a ficar uma semana sem lavar a cabeça porque o couro cabeludo não está sujo. Existem outras, como eu, que ficam entre 1 e 2 dias sem lavar porque o couro começa a coçar, a raiz fica oleosa, enfim. Acho importante observar se o cabelo está limpo; se está oleoso e ai delimitar o tempo. Por ser uma criança, acredito que o intervalo máximo seja de 2 dias (porque eles costumam a correr mais e etc), mas é bacana observar.
Dica 5: 
Utilize produtos próprios para criança e para cabelos cacheados
Ainda falando sobre lavagem, é importante ter em vista que o shampoo é um grande vilão na hidratação do cabelo cacheado devido às substâncias utilizadas (como os sulfatos). Por isso, é importante usar linhas de criança (já que essas costumam ter menor quantidade dessas substâncias ou nenhuma), além de terem cheiros mais leves, menos corante, etc.

Dica 6:

 Hidrate sempre!

Como o cabelo cacheado/crespo é mais ressecado, precisamos hidratá-lo mais frequentemente. A frequência irá depender da necessidade do cabelo e isso você só vai perceber com o tempo, mas se você fizer uma vez por semana será ótimo. 
Você pode usar tanto máscaras hidratantes próprias para crianças quanto receitas caseiras. Obs: Se você quiser muito usar uma de adulto, use. Mas shampoo realmente não aconselho pelos motivos citados anteriormente.

Dica 7: 

Aprenda o que é Day After

Lembra que eu falei para não lavar o cabelo todo dia? Aposto que você pensou, mas o cabelo da minha filha(o) fica horrível no dia seguinte, todo bagunçado, cheio de frizz, sem cachos. Pois bem. Isso tem solução e não é nem lavar nem molhar o cabelo de novo. Existem uma série de dicas para ajudar o cabelo a ficar bonito no dia seguinte e temos aqui no blog um post completo sobre assunto, feito por mim, inclusive. Porém, algumas das dicas podem ser incômodas para as crianças, então, eu resumiria em apenas uma: compre um borrifador ou um dessas águas que desembaçam os fios, e borrife no cabelo da criança, desembaraçando os fios e apertando para que os cachinhos ganhem vida novamente.

Dica 8: 
Finalização
Finalizar o cabelo é aquela etapa em que passaremos o creme de pentear para que os cachos definam mais, o volume seja valorizado (não vai ensopar o cabelo da menina(o) de creme para tirar o volume e parecer um gato lambido) e também evitar que o cabelo gere o tal do frizz.
Nessa etapa você pode usar, além do creme de pentear, um óleo (aí pode ser qualquer um desses que compramos em farmácia – uma gotinha – apenas para dar brilho) ou gel, para fixar melhor os cachos (dê preferência aos géis infantis ou sem álcool para não ressecar.
Existem algumas técnicas de finalização, mas para a maioria das crianças, basta desembaraçar os fios e depois amassar com um pouco de creme de pentear.
Secagem
É sempre bom tirar a umidade dos fios, principalmente dos pequenos. Se você for demorar a sair e eles não forem pegar friagem, não precisa nem usar o secador. Pegue um tecido de algodão 100% (pode ser uma camiseta velha ou uma fralda de bebê) e seque os fios apertando de baixo para cima (já depois de ter passado o creme de pentear). Isso vai ajudar na definição, na secagem e ao cabelo não frizar.
Ufa!! É  dica demais, acompanhe -a as e trate bem os cachos de seu anjinho(a), se tiverem dúvidas, entrem em contato comigo espero que tenham gostado do post, e continuem acompanhando o blog tem sempre muita dica boa aqui! Grande beijo!

Confira também

Comentários
0 Comentários

0 comentários