Você conhece o tipo do seus cachos? Venha identificar qual o seu e aprender dicas para trata-ló.

10:03

Olá xuxus,

Para que possamos tratar nossos cabelos com os produtos apropiados é importante conhece-lo, não é mesmo? Pensando nisso, venho hoje apresentar os diversos tipos de cabelos cacheados, ondulados e crespos.

tipos de cacho
Muitas das dicas, encontrei no blog "Cacheia.com", que é perfeito para as cacheadas.
Para ficar fácil de identificar, se liga nas classificações, Categoria (2,3,4) e subcategoria (a, b, c), é só um  jeito simples de entendermos.

 Tipo 4

Os cabelos do tipo 4 são crespos, com tendência a volume e mais frágeis. São cabelos que tendem ao ressecamento por isso recomenda-se umectações e hidratações.  Se você é crespa pode se jogar no uso de produtos compostos por manteigas e óleos vegetais na composição como óleo de abacate, azeite de oliva, óleo de coco, óleo de rícino, óleo de semente de uva, óleo de jojoba: manteigas como manteiga de karité, manteiga de cupuaçu, manteiga de abacate e manteiga de murumuru. Esses componentes ajudam a deixar seu crespo ainda mais macio e com brilho.
cabelo crespo 4A tipo 4A
Crespos 4A: Fios bem enrolados desde a raiz e que formam cachos pequenos e apertados. Ganham volume com facilidade e são mais finos e sensíveis. Cremes mais grossos podem garantir mais fixação para os cachinhos.

Crespos 4B: Formam cachos bem pequenos e ganham volume com facilidade. São finos e bem frágeis, por isso devem ser desembaraçados com cuidado para evitar quebra.

Crespos 4C: O formato padrão desses fios são ondas em “Z”. Podem formar cachinhos bem estreitos em algumas partes, muito parecidos com a textura 4B ou não apresentarem cachos em algumas regiões. Os fios do cabelo 4C ficam bem juntinhos e podem encolher até 75% do tamanho original. Se você gosta de volume, experimente usar o pente garfo no seu 4C para deixá-lo ainda mais poderoso!
Dicas: para diminuir o ressecamento dos fios e manter seu crespo poderoso e hidratado, tente diminuir a frequência de lavagem. Os shampoos com sulfato podem contribuir para que os fios fiquem ressecados.

Tipo 3

Agora sim, os cachos formadinhos, definidinhos… E opa, com tendência a ressecamento também! Quem é tipo 3 sabe a dor e a delícia que é. A maioria (percebam, não disse todas) do tipo 3 é, além de volumoso, denso, o que complica ainda mais tratar dos cachos.
Nosso couro cabeludo produz uma oleosidade natural que percorre os fios. No caso dos cabelos lisos e ondulados, essa oleosidade natural chega com mais facilidade até as pontas. Já no caso de cabelos cacheados e crespos o processo demora um pouquinho mais. Como consequência disso, o comprimento e as pontas dos fios podem ficar com aspecto ressecado com mais facilidade. Então bora hidratar e nutrir esses cachinhos minha gente!
cabelos ondulados tipo 3A cachos 3A
Cacheados 3A: Em geral formam cachos grandes, soltos  e espaçados no formato de espiral. Com o crescimento, a raiz pode parecer mais lisa e o perder volume. Quem tem cachos desse tipo pode notar que algumas partes tendem a formar cachos mais definidos, enquanto outras são mais espaçadas.
Cacheados 3B: O 3B forma cachos espirais definidos por toda a extensão do cabelo (alguns mais fechados e outros mais abertos). A raiz pode ser mais ondulada que cacheada.
Cacheados 3C: Cachos espirais definidos e fechados. Os cachos são densos, grossos e bem próximos.
Dicas: Evite cortar com qualquer um ou de qualquer jeito. Um bom corte pode garantir um volume lindo e equilibrado e em alguns casos incentiva ainda mais a definição. Em mãos erradas, o cabelo cacheado pode acabar com o famoso “efeito triângulo”, perdendo movimento.Se você gosta de definição invista na fitagem para segurar os cachos e defini-los. Se ama volume capriche no pente garfo! Se você está em transição, tenha paciência, porque é um tipo de cabelo que tem o crescimento quase imperceptível (por causa do fator encolhimento).

Tipo 2

Muitas pessoas acham que o tipo 2 é liso, mas não é. Pra outras é cacheado, mas também não é. O tipo 2 forma ondas em “S”, que podem ser mais intensas ou menos marcantes. O cabelo ondulado é sedoso, mas não tanto quanto o cabelo liso. É um pouco ressecado nas pontas, mas não quanto o cabelo crespo. Geralmente os cabelos do tipo 2 possuem a raiz lisa e as ondulações se formam no comprimento e nas pontas.
cabelos ondulados tipo 2A
Ondulados 2A: Formam ondulações muito leves, os fios são quase lisos. Mas não se engane! Esse tipo de fio pode apresentar pontinhas ressecadas que precisam daquele carinho extra. 
cabelos ondulados 2B
Ondulados 2B: Raiz mais lisa e ondulações espaçadas pela extensão dos fios. 
cabelos ondulados tipo 2C
Esse é o tipo do meu cabelo, raiz lisa cachos na extensão!
Ondulados 2C: Fios grossos,  geralmente com mais volume. As ondas do 2C são bem marcadinhas. Ativadores de cacho ajudam a destacar ainda mais essas ondas. 
Dicas: Na hora de cuidar dessa lindeza, fique de olho na quantidade de produto aplicada para não pesar os fios. Preste atenção também no momento de cortar especialmente se você quer mais volume: os ondulados também tendem a formar frizz e no caso dos cabelos mais finos, desfiar com navalha pode não ser uma boa. Para valorizar suas ondas, invista em cortes em camadas.
Uma das principais reclamações de quem tem cabelos ondulados é a falta de definição. Pelo menos é isso que muitas meninas que acabaram alisando suas madeixas onduladas relatam. Se você realmente estiver em busca de mais definição pode utilizar mousse, gel ou spray fixador no cabelo, amassando as mechas para incentivar a formação de ondas. A técnica de fitagem não é tão interessante para fios ondulados. Exagerar no finalizador também não fica legal. Use e abuse de rolinhos e bigudins se quiser dar um jeito no visual. Apesar de parecer fácil cuidar, tipo 2 é bem complexo. 

Confira também

Comentários
0 Comentários

0 comentários